Farol Santander São Paulo retorna as atividades com exposição “Revoada” de Flávia Junqueira

Além da mostra que ocupará o Hall e o 24ª andar, o Farol Santander ganha dois novos espaços (nos acessos entre os 23º e 24º andares e os 25º e 26º andares) com pinturas de Raquel Gorzalka.

O Farol Santander, centro de cultura, empreendedorismo, lazer, moda e gastronomia de São Paulo, já considerado a maior estrutura de concreto armado da América Latina e que recebeu desde sua inauguração em 2018 mais de 750 mil pessoas, retoma suas atividades com novidades na programação cultural e estrutura do prédio.

Desde o último dia 16/10, das 13h às 19h, o público pode conferir a exposição Revoada, com obras inéditas de Flávia Junqueira, destacada artista do cenário da arte contemporânea no Brasil. Com curadoria de Paulo Herkenhoff, a mostra, que fica em exibição até o dia 10 de janeiro de 2021, contou com produção de Angela Magdalena (Madai) e Julia Brandão (Ayo).

A instalação no espaço de entrada do Farol, intitulada Revoada, consiste em uma cenografia lúdica e imersiva, com aproximadamente 70 balões de vidro, medindo de 90cm a 40cm, coloridos e suspensos a partir do teto. A suspensão dos balões foi realizada com cabos de aço que dão a sensação dos objetos estarem voando pelo ar.

No 24° andar, a inédita obra Território Espelhado revela todo o espaço, incluindo paredes e teto, cobertos por folhas espelhadas e papel metalizado, que refletem os balões de festa distribuídos por todo o local. A instalação ainda conta com ambiência sonora que remete a um autêntico parque de diversões, além de cavalos de carrossel que dão um tom lúdico à experiência.

Além da exposição Revoada, de Flávia Junqueira, o Farol Santander São Paulo ganhou dois espaços (nos acessos entre os 23º e 24º andares e os 25º e 26º andares) com pinturas realizadas pela artista plástica paulista Raquel Gorzalka, para que os visitantes possam interagir e tirar fotos.

As paredes trazem imagens do próprio prédio do Farol e reproduções de obras e monumentos famosos da cidade, como o monumento “Mão”, erguido por Oscar Niemeyer no Memorial da América Latina; as lanternas japonesas do bairro da Liberdade; a ponte estaiada Octávio Frias de Oliveira; o Museu de arte de São Paulo (MASP); o edifício COPAN, entre outros, além de guarda-chuvas que remetem à famosa expressão “terra da garoa”, pela qual a cidade é conhecida.  Já no piso, o visitante encontra adesivos com as mais diversas frases como “Venha para DiverCIDADE SP” e “Mais Amor em São Paulo Por Favor”.

Os visitantes também encontrarão o Farol Santander SP com a fachada (tombada pelo Condephaat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico) restaurada, tal como era em 1947. Foram restauradas 46.975.650 pastilhas e 850 esquadrias, além da limpeza do icônico lustre de 13 metros de altura e 1,5 tonelada do hall de entrada, que teve suas 9.987 peças de cristal, limpas uma a uma.

Para essa reabertura estão sendo tomados todos os procedimentos, respeitando os protocolos de segurança e saúde. Seguindo as orientações das autoridades públicas para a reabertura, o Farol funcionará em horário reduzido – das 13h às 19h, de terça a domingo -, com ocupação máxima de 60% da capacidade total do prédio.

Serviço:

Exposição Revoada – Farol Santander São Paulo

Quando: 16/10/2020 a 10/01/2021

Onde: Rua João Brícola, 24 – Centro (estação São Bento – linha 1, azul do metrô)

Site Farol Santander: farolsantander.com.br

Funcionamento: terça a domingo

Horários: 13h às 19h (terça a domingo)

Ingressos: R$ 25,00 (visitação completa ao Farol Santander) site e bilheteria física no local.

Crianças de até 2 anos e 11 meses não pagam ingresso. A partir dos 3 anos, pagam meia entrada e, a partir dos 12 anos, é necessária a apresentação de RG e carteirinha de estudante para o pagamento da meia.

Classificação: Livre

*Monitoria no andar

* Instalações acessíveis para cadeirantes

Brigada de incêndio e Seguranças: Efetivo total de 60 pessoas

Banheiros: 2 por andar – 1 masculino e 1 feminino (4º, 8º, 21º, 22º, 23º, 24º e no 26º andar)

Acessibilidade: Banheiros e elevadores adaptados, rampas de acesso

Saídas de emergência

Compartilhe

Comentários estão fechados.